Tecnosinos

Menu

Tecnosinos promove palestra sobre TI Verde e lança programa GreenTech Park

13/12/2018

Evento promovido pelo Parque Tecnológico de São Leopoldo em parceria com FINEP faz parte de um conjunto de ações para sensibilização quanto à importância da gestão sustentável.

 

A palestra TI Verde, de Luiz Henrique Rauber Rodrigues, mestre em nanociências, doutorando em tecnologia ambiental e panelista de alguns dos maiores eventos de tecnologia do Brasil discutiu a inovação como solução cada vez mais eficiente e limpa para empresas de base tecnológica. O uso de práticas sustentáveis como forma de fortalecer o ecossistema e agregar valor aos negócios, temáticas que estão em completo alinhamento com os objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU, esteve em foco durante a fala do profissional. “Vivemos em um tempo em que as empresas vão desenvolver sua consciência sustentável ou porque querem, ou porque se verão obrigadas a fazê-lo em um futuro muito próximo”, enfatiza Luiz Henrique. “É louvável a atitude do parque em promover um encontro como este. É possível perceber o interesse e a atenção das startups e empresas participantes à temática. É nesse ecossistema que surgem as mudanças de impacto positivo”, diz.

Na ocasião do evento, o Tecnosinos realizou ainda o lançamento do GreenTech Park, projeto desenvolvido para promover a gestão sustentável junto às empresas que compõem o Parque. Com adesão voluntária e gratuita, o programa oferece diagnóstico e planos orientados de autoimplementação, buscando inspirar colaboradores e disseminar ações ambientais. Desenvolvida em conformidade com normas de certificação internacional como a ISO14001 e sistemas de gestão (SGA) já implantados no Parque Tecnológico e na UNISINOS, a metodologia utilizada no GreenTech Park é autoral. Replicável, ela combina critérios, indicadores e métricas que respeitam o nível de empreendedorismo e maturidade ambiental de cada organização.

A participação no GreenTech Park garante às empresas o Ecosselo Institucional, que confirma sua performance nos níveis Silver, Gold e Platinum e reconhece a atuação transparente quanto aos impactos socioambientais, preocupação com a responsabilidade sustentável e construção de um Parque Tecnológico Verde. Para Luciane Schwalbe, Gestora de Projetos do Tecnosinos, a certificação do programa é extremamente válida. “Este reconhecimento pode promover às empresas participantes a abertura de novos mercados, redução de custos, captação de recursos, bem como melhoria da competitividade e de suas relações, ampliando sua divulgação e posicionamento”, destaca. Todas as empresas do parque estão convidadas a aderir ao programa e podem solicitar informações através do e-mail greentechpark@unisinos.br.